Cultura

Sesc AM apresenta “(In)Visibilidade” e a “A Mulher do Fim do Mundo” 

Nesta quinta (9), o projeto Sesc Amazônia das Artes traz a Manaus dois espetáculos artísticos. No Porto de Manaus (Roadway), às 17h, o artista rondoniense Rafael Barros apresenta a performance (In)Visibilidade, uma intervenção urbana pensada para espaços alternativos com o propósito de gerar raciocínio, meditação e observação durante sua passagem e caminhada com as constantes intercalações entre os figurinos (masculinos e femininos).  Complementando o trabalho, a fotografia com as ocasiões e interrupções que o próprio palco urbano propõe.

Às 19h, no Teatro da Instalação, a Associação Artística Cultural Casa Circo (AP) apresenta o espetáculo de dança “A Mulher do Fim do Mundo”, uma reflexão sobre a mulher contemporânea e sua figura de resistência diária, diante de seus conflitos internos e de uma cultura machista, a qual tem que impor a todo momento uma política que valide seu corpo e o seu discurso enquanto ser significante na sociedade. Fundada em 2015, a Casa Circo é uma companhia que dialoga com a arte circense, dança e teatro, além de ser um espaço de instrução. A classificação etária do espetáculo “A Mulher do Fim do Mundo”  é de 16 anos. O teatro da instalação fica localizado rua Frei José dos Inocentes, s/n, Centro.

Mais informações sobre os espetáculos ou sobre o projeto Sesc Amazônia das Artes acesse www.sesc-am.com.br ou ligue para (92) 3649-3750. 

Assessoria de Comunicação
Sistema Fecomércio, Sesc e Senac AM